segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Gaia: imagens com história (VI) : o S. Gonçalo em Gaia – a primeira festa do ano

Imagem das Festas de S. Gonçalo na zona ribeirinha de Gaia. (Arquivo de imagens de António Conde)

Festas de S. Gonçalo 2012 – a comissão dos Mareantes do Rio Douro.  (Foto de António Conde)

Festa de S. Gonçalo 2012 – desfile na Avenida Diogo Leite. (Foto de António Conde)


Data: década de 60 do séc. XX.

Descrição: A imagem, com cerca de 50 anos, mostra uma das partes profanas dos festejos a S. Gonçalo na zona ribeirinha de Vila Nova de Gaia, junto ao tabuleiro inferior da ponte D. Luís I. Na essência a imagem em nada difere da imagem atual tal como não difere das descrições que remontam ao séc. XIX em que parece situar-se a origem desta popular festa gaiense.
O povo em júbilo acompanha o rufar dos tambores dos Mareantes do Rio Douro. À frente seguem os três figurantes, vestindo à século XVIII; um empunhando a cabeça de S. Cristóvão (que segundo a lenda foi degolado e a cabeça terá aparecido no rio Douro a flutuar), o outro, que dirige a função, transportando a pequena imagem de S. Gonçalinho e o terceiro representando S. Roque (o santo protetor da peste). De vez em quando o dirigente conhecido como o “homem do santo” (que também faz de arengador) brada para a multidão: “Viva a nossa querida cabeça de S. Cristóvão!”, “Viva o S. Gonçalinho!”, “Vivam os Mareantes do Rio Douro!” respondendo o povo com repetidos e sonantes vivas. Durante o percurso alguns populares tocam com a mão na cabeça de S. Cristóvão ou beijam-na.

Remissivas: Festividades gaienses/S. Gonçalo/Mareantes do Rio Douro/Santa Marinha (freguesia).

Bibliografia:
. FERREIRA, J. A. Pinto - Barqueiros e "mareantes do rio Douro": festejam S. Gonçalo, In: Boletim Cultural da Câmara Municipal do Porto. - Vol. 26, fasc. 3-4 (Set./Dez., 1963), pp. 721-734.
. GUIMARÃES, Gonçalves - São Gonçalo e São Cristóvão: Vila Nova de Gaia: o santo é nosso. Fot. Luís Pedrosa e Hernâni Gonçalves. - Vila Nova de Gaia : Câmara Municipal, 2006.

Sala de Fundo Local, Janeiro de 2011.